Certo dia, quando estava tomando banho - e este é um dos momentos em que muitos pensamentos surgem - veio a minha mente uma frase aparentemente do nada, que dizia: "Existem duas coisas difíceis de quebrar: rapadura com o dente e um hábito". Terminado o banho, postei logo no Insta, o que é até uma boa forma de não esquecer de alguns insights que temos ao longo da vida.

Este livro está repleto de dicas sobre o como estudar, e que podem realmente transformar uma pessoa absolutamente comum, como eu mesmo ainda sou, em um aprovado em competições que requerem o conhecimento de algumas matérias relacionadas a um assunto.

Mas a vitória, como qualquer coisa boa na vida, não vem sem preço, não se enganem. Para ocupar o lugar que muitos outros também desejam, você precisará se tornar um competidor. E essa transformação aos poucos vai fazendo a diferença na sua forma de estudar e, principalmente, na maneira de encarar uma prova de conhecimentos.

Ao longo do livro recomendarei diversos novos hábitos que tem o potencial de criar atalhos no seu caminho entre ser um estudante iniciante, ou mesmo desmotivado, até se transformar naquele que disputa, em pé de igualdade, entre os melhores concorrentes, as tão sonhadas vagas.

Eu posso dizer que isso é perfeitamente possível, mas concordo em tudo com aquela frase do início deste capítulo: é difícil quebrar um hábito, assim como não é fácil inserir um hábito novo, especialmente quando ele contraria algo que já estamos uma vida acostumados a fazer.

Somos humanos, e já adianto que não tem nada de mal se você simplesmente não quiser cumprir uma determinada postura que recomendo neste livro. Tudo bem, você pode ser aprovado assim mesmo. Relaxe quanto a isso. Creio que dificilmente um candidato adotará tudo que recomendo neste manual.

Uma das recomendações que já faço é: se empolgue com as ideias que forem surpreendentes e instigantes, procure aplicá-las imediatamente em seu estilo de vida, ainda que não fiquem idênticas ao que descrevo.

E quanto aqueles capítulos que parecerão absurdos na primeira leitura, dê um tempo, alguns dias ou semanas, para que observando os aspectos relacionados ao tema, você consiga produzir reflexões diferentes do que antes considerava imutável, do que antes nem percebia que poderia ser feito de outra forma.

Às vezes as ideias de um livro não fazem o menor sentido em um determinado momento de nossas vidas. Passado um tempo, como mágica, aquelas mesmas palavras caem como uma luva, ou se transformam na peça que faltava no quebra-cabeça. Isso acontece comigo até hoje com várias livros quando faço a releitura.

Na verdade, nós estamos em constante transformação, e é por isso que compreendemos de uma forma diferente uma ideia quando a recebemos em momentos diferentes da vida. Foi necessária a aquisição de novos conhecimentos e experiências, para que ao entrar em contato com aquela antiga ideia, desta vez ela faça total sentido para nós. E o que quero provocar em você é exatamente uma mudança para um estudante melhor, indo muito além do mero contato com as matérias. Meu objetivo - cada vez mais ao longo dos anos - é mostrar um estilo de vida vencedor.

Venho observando e comprovando que o que faz um estudante ocupar o lugar entre os melhores, em qualquer competição, não é apenas a sua capacidade de entender as matérias, mas o seu Lifestyle (estilo de vida).

E estilo de vida é uma construção de hábitos que vamos adquirindo e largando, de acordo com as experiências prazerosas ou dolorosas vividas.

Meu papel, que assumo com você, é o de apresentar uma postura vencedora. Abrir os olhos para pontos que pareciam desconectados. Mostrar o melhor que posso, todas as situações que podem gerar vantagem no seu rendimento dentro da competição de estudos que você pretende vencer.

Uma coisa garanto: é plenamente possível.

OS HÁBITOS